Viagem de Navio – Dicas importantes

Vai fazer uma viagem de Navio? Não sabe o que levar?  Também não sabe o que não levar? Então você tá precisando de dicas importantes para se preparar! Fique atento as informações e faça uma viagem de navio inesquecível!

 

Viagem de navio: dicas importantes para você se preparar

  1. Não deixe de levar um adaptador universal de tomadas na mala;
  2. Evite de ficar sem se alimentar, ou de estômago cheio demais para controlar os possíveis enjoos;
  3. Invista em alimentos que diminuem a náusea, como por exemplo: maçã verde e suco de laranja.

Viagem de navio: dicas importantes do que levar

 

  • Não há limite de bagagem, porém, a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos sugere levar dois volumes por passageiro, cada um dos passageiros com no máximo 20 kg e o tamanho 40 cm x 60 cm x 30 cm.
  • Basta um vestuário informal como: bermudas, camisetas, chinelos, dentre outros; para fazer turismo em terra firme, o melhor é ter roupas confortáveis, escolhidas de acordo com o clima das paradas que possivelmente serão feitas;
  • Caso goste de fazer exercícios, você pode colocar na sua mala também roupas adequadas. Já que em geral, os navios tem academia, e uma programação de aulas de exercícios.
  • Além das roupas, é importante lembrar de colocar na sua mala: protetor solar, medicamentos, inclusive para enjoo e a sua máquina fotográfica.

Viagem de navio: dicas importantes do que não fazer ou não levar

 

  • É recomendado não usar trajes de banho nos corredores; então leve saídas de praia, camisetas e shorts para facilitar a passagem da piscina para o interior do navio;
  • Não devem usar roupas de banho durante os jantares a bordo, vale fazer a verificação com a companhia quais são os trajes que são exigidos nos jantares de cada roteiro;
  • É proibido levar na viagem de navio itens que emitam calor como por exemplo: ferro de passar, velas, incensos, armas de fogo, drogas, alimentos, bebidas ou objetos que sejam pontiagudos como: facas e tesouras. Vale ressaltar que toda bagagem está sujeita a inspeção por cães farejadores;
  • É indispensável colocar na sua mala uma etiqueta contendo os seus dados como por exemplo: nome endereço e telefone, como também: o nome e o número da cabine;
  • Já as documentações para a viagem nacional são preciso levar: RG ou CNH; para viagem internacional é preciso levar: um passaporte com no mínimo seis meses de validade.
  • Já que normalmente o embarque começa 4 horas antes da partida do navio, terminando duas horas antes, verifique com antecedência a melhor maneira de você chegar ao porto de partida;
  • Normalmente os embarques são sempre realizados após as 11 horas da manhã, devido os terminais ficarem lotados de passageiros que estão desembarcando, não é recomendado chegar antes desse horário;
  • Ao chegar ao terminal, vá ao setor de bagagem para deixar as suas malas, pois elas serão levadas diretamente a sua cabine;
  • Após isso, é preciso que você vá até ao balcão de atendimento da companhia para realizar o check-in, para você mostrar os documentos e receber as informações a respeito do embarque;
  • Seus amigos podem ir se despedir de você, mas não poderá entrar no navio;
  • Não é permitido o consumo a bordo de alimentos e bebidas que foram adquiridas fora do navio, devido as exigências sanitárias;
  • Como alguns locais não tem porto, o embarque e o desembarque é realizado em lanchas ou em outros barcos menores que saem do navio até a terra firme; por isso fique atento aos horários desses barcos;
  •  Os navios tem lojas que vendem produtos de grife a preços mais baixos, mas as compras só podem ser feitas quando o navio estiver navegando em alto mar, pois fecham quando está atracado;
  • Essas mesmas regras valem para os cassinos.

 

Veja Mais:  Roteiro de viagem pela Europa: melhores lugares para amantes do cinema

Viagem de navio: dicas importantes sobre gastos

 

    1. Os gastos a bordo são realizados em dólar e costumam ser computados em um cartão magnético, que é entregue no momento do embarque; dentro do navio é preciso definir qual é o meio de pagamento, como por exemplo: dinheiro em espécie ou cartão de crédito, que será vinculado ao cartão, no local indicado pela companhia;
    2. O preço da viagem inclui, de modo geral, a acomodação na cabine, a maioria das refeições diárias e do entretenimento a bordo, instalações;
    3. Alguns itens que não costumam estar incluídos são: as excursões opcionais em terra, jogos nos cassinos dente outros;
    4. Quando o cruzeiro oferece o sistema all inclusive, também é incluído as bebidas alcoólicas e não alcoólicas. Tem alguns navios que tem restaurantes especiais, que cobram pela refeição;
    5.  Todos os navios possuem serviços médico, porém a consulta é paga a parte; nesse caso é sugerido a contratação de seguro de saúde pelo prazo especifico de duração da viagem para que você possa pedir reembolso das despesas pagas do seguro contratado;
    6. Ao desembarcar, caso tenha duvidas sobre as despesas a bordo, converse com os responsáveis da companhia ainda quando você estiver a bordo do navio, pois, as empresas não costumam aceitar reclamações posteriores;
    7. Ao buscar a sua mala, verifique se é a sua mala mesmo, devido haver muitas parecidas.
    8. No caso de viagem de navio internacionais, todos os passageiros inclusive você precisa preencher a declaração de bagagem acompanhada, pois, se houver algum produto a declarar, é preciso se apresentar a receita federal no desembarque.

 

Viagem de navio: dicas importantes, gostou das dicas? Tirou as suas dúvidas? Então é o momento de você fechar o pacote e aproveitar das vantagens de uma viagem de navio, que pode acreditar são muitas. Você contratando um cruzeiro poderá curtir o benefício do sistema all inclusive, além de ter acesso as inúmeras atividades e as áreas de lazer do navio, uma vez que todas as refeições e bebidas estão inclusas no preço final do sistema all inclusive.

Tá esperando o que? Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários abaixo e compartilhe com seus amigos e amigas!