Turismo em Paraty

Paraty fica no Rio de Janeiro, bem próximo a Mata Atlântica. É uma cidade histórica
que também é muito frequentada por paulistas. Os seus visitantes ficam
impressionados com o colorido de suas janelas e com as portas de seus casarões
coloniais e numa cidade que é emoldurada pelo mar, com serras e cachoeiras que
encantam a todos.

Em Paraty há um turismo que é histórico, com muitas paisagens que são naturais,
exuberantes, com muitas pousadas que são de muito charme, com uma gostosa
gastronomia e um grande movimento que é voltado para uma cultura. Um destino
para as pessoas que querem descansar, sem desplugar do mundo, num lugar
cativante e que desperta muitas paixões pelos viajantes.

PUBLICIDADE

Sua fundação se deu ano de 1667 e era apenas um pequeno povoado, que ficava aos
pés do Morro do Forte. A cidade cresceu e entre os séculos XVIII e XIX, se tornou um
dos maiores entrepostos que são do comércio do Brasil, como a Rota do Caminho do
Ouro, por onde eram escoados, vindos de Minas Gerais e era uma grande produtora
de cana-de-açúcar nessa época.

Um belo destino
Paraty é uma descoberta para o turismo e com uma grande circulação de
estrangeiros, que atualmente, chegam em busca de verificar a sua arquitetura colonial
que é muito preservada e numa bonita maneira de viajar pela história. Caminhar por
suas ruas que são construídas em pé de moleque e pelo seu Centro Histórico é ver a
união de história, com paisagens que são naturais.

As belezas naturais e históricas dessa cidade são inegáveis. Paraty também tem
certo ar que é próprio para inspirar uma produção cultural e a gastronomia. O seu
Centro Histórico é com muitas lojas de artesanatos, ateliês, fotografias e livrarias que
estão espalhadas por essa cidade, que são um convite para um bom café.

Não podemos deixar de destacar a FLIP que é a sua Feira Literária Internacional de
Paraty, que reúne muitas pessoas, escritores, fotógrafos e demais profissionais desse
ramo, com tudo acontecendo em meio a essa cidade, que é com bons restaurantes,
com grandes chefs de cozinha, com muitas mesinhas ao ar livre e com um brinde com
uma boa e deliciosa cachaça artesanal.

Quando essa viagem deverá ser feita
A decisão de escolher a melhor época para viajar para Paraty não é uma tarefa muito
fácil, já que essa cidade recebe muitos eventos que são culturais ao longo do ano e
também sofre muito com as chuvas na época de calor e nos meses mais frios há uma
secura em seu clima. Cada período nessa cidade é com um encanto diferente para os
turistas.

Nos meses que são de férias escolares ou de feriados prolongados, há uma maior
incidência da atividade turística. Nessa época será muito difícil de escapar de
hospedagens que são mais caras e principalmente nos meses de dezembro, janeiro e
fevereiro, além dos feriados de carnaval, Semana Santa e outros feriados
prolongados. A cidade tende a ficar mais cheia, com diárias mais caras.

Os pontos turísticos de Paraty
Paraty é um Patrimônio Histórico Nacional e por isso, divide todas as atenções de
seus visitantes, que podem apreciar os seus prédios coloniais e uma bonita natureza.
Conheça os seus pontos turísticos, que começamos pelo seu Centro Histórico e que
pode ser tranquilamente percorrido a pé, pelos viajantes que chegam até essa cidade.
A ajuda de um guia será muito bem vinda.

Conheça o Forte Defensor Perpétuo que foi construído no ano de 1822 para que
pudesse defender a baía de Paraty. Ele tem uma vista privilegiada para essa cidade.
Nesse local, no Morro da Vila Velha é que se teve o primeiro povoado dessa região.
Há nesse local atualmente um museu com muitas peças que mostram a história
dessa cidade, com muitos armamentos, artefatos e peças decorativas.

A Cachoeira do Tobogã é com uma pedra lisa que funciona como um escorrega e aos
pés dessa pedra, há um belo poço que é chamado de Poço do Tarzan que é um
convite para os turistas tomarem um banho e se chega através de uma pequena
trilha. Essa cachoeira faz parte de um circuito de passeios que são realizados de jeep
por essa cachoeira, com acesso que é muito fácil por essa trilha.

A cachoeira mais movimentada de Paraty é a da Pedra Branca. É tranquila, linda e
faz parte de uma rota que é comum e também deve ser feita por jeep. Ela está
localizada em uma área particular e fica bem próxima à estrada Paraty-Cunha, por um
acesso de terra e numa primeira parada ao Poço da Usina, que tem 6 metros de
profundidade e marca o local da construção da primeira usina de força, nessa região.

Visite a sua Ilha Comprida que é uma parada muito popular feita pelos turistas em
Paraty, com os barcos partindo do cais do Porto dessa região. É uma região
considerada como um sonho para os visitantes e para os que curtem um mergulho,
que é cercado por uma vida marinha. Essa ilha tem uma grande piscina para um
mergulho de snorkel, com os barcos oferecendo esse aluguel para os turistas.

Para os que querem passear de escuna por Paraty, não deixe de conhecer a Lagoa
Azul, que é um local cheio de rochas e de matas verdes, numa grande piscina que é
natural, com muita vida marinha e que faz parte de uma mesma rota para a Praia
Vermelha, Praia da Lula e da Ilha Comprida. Na maioria das vezes é uma parada para
almoçar dentro do barco e dar um mergulho rápido em suas águas.

Vá até a Vila de Paraty Mirim que é distante cerca de 17 km de distância do Centro
Histórico de Paraty e que tem a igreja mais antiga dessa cidade. É com uma grande
faixa de areia que tem mais de 800 metros, num mar calmo, verde, com uma boa
infraestrutura de bares e de restaurantes para o turista. Escolha por um desses
pontos turísticos. Conheça Paraty e todas as belezas dessa cidade.