Conheça as particularidades do turismo em Alter do Chão

Alter do Chão fica a oeste do Pará. É um pequeno vilarejo, que aos poucos está sendo
descoberto para o turismo, pelos brasileiros. É uma região que é com grandiosos rios
que são de águas doces, cercado por um intenso verde. É um belo paraíso com
porções de areias que encantam aos seus turistas com os seus cenários que são
paradisíacos.

Uma base nessa região
A vila de Alter do Chão fica distante 1300 km de distância de sua capital que é Belém,
que faz parte do município de Santarém. É uma base para as pessoas que irão
explorar todas as belezas encontradas por lá, como as belezas que são dos Rios
Tapajós e do Rio Arapiuns. Tem apenas 6000 habitantes, com uma boa infraestrutura,
com oferta de passeios, restaurantes e muitas pousadas.

PUBLICIDADE

A chegada até Alter do Chão
Para se chegar até lá, o Aeroporto de Santarém é para essa chegada de seus
visitantes, já que ele tem as melhores rotas que são aéreas para se chegar até
Santarém por via Belém, Manaus ou Brasília, que são cidades que contam com voos
diretos pelas companhias Latam, Gol ou Azul. São Paulo, Rio de Janeiro ou outra
cidade brasileira, há somente voos que são com conexão.

Saindo do aeroporto de Santarém
Ao sair desse aeroporto, seus turistas não terão nenhuma dificuldade em encontrar
outro transporte para o seu destino, que pode ser um táxi, um transfer particular ou até
pegar um ônibus comum. Para os que querem um roteiro diferente escolha pelo barco,
que segue pelo Rio Amazonas, com rotas que vão de Manaus para Santarém e
contando com alguns dias de descanso.

As estações do ano em Alter do Chão
Saber sobre as estações em Alter do chão fará toda a diferença nessa viagem, por
conter duas estações que são muito bem definidas que é uma de chuva e a outra de
seca. A temporada de chuvas vai de janeiro a julho e os seus meses menos chuvosos
são os de agosto até setembro, que tem um clima estável e os períodos de julho até
janeiro registram um grande aumento de turistas.

Boas surpresas nessa viagem
Viajar para Alter do Chão será uma grata surpresa, por ser um pedacinho do Pará,
muito pouco explorado pelos turistas. Ideal para banhos de rios que são maravilhosos,
ver as suas lagoas, florestas, comunidades que são ribeirinhas, seus igarapés, igapós,
florestas e canais que dão o tom de beleza a esse lugar, cercado por uma natureza que
é exuberante e com muitas atrações ao redor dessa cidade.

Um lugar para o seu entretenimento
Alter do Chão é assim, um belo lugar para o seu descanso e se deixar levar pelas suas
águas que são doces, com suas ondas que podem fazer flutuar aos turistas que se
banham nelas e com programas que podem agradar para os que querem relaxamento
ou para os que estão em busca de agito. Têm ambientes para todos os gostos e com
muitas atrações para se visitar.

A sua culinária
A comida em Alter do Chão é regada por muitos temperos que são exóticos, com
muitos sabores que são da Região Norte. Não deixe de provar o seu delicioso açaí que
é considerado bem diferente do resto do Brasil, a sua caldeirada, o pato no tucupi e
todos os seus peixes que são amazônicos, muito fresquinhos e até uma Piracaia que é
uma festa com um peixe assado na brasa na areia mesmo.

Se jogando no carimbó
De dia, os turistas devem ir aos passeios que são destinados para os banhos de rios e
á noite, caia ao som do ritmo do carimbo que é um movimento que se concentra bem
no centro dessa vila, numa orla a beira rio que é com uma grande quantidade de
restaurantes, bares, lojas e mercados ou em mesinhas que ficam ao ar livre, que
apresentam o ritmo do carimbó para os seus turistas.

O encontro de suas águas
O Rio Amazonas e o Rio Tapajós são considerados como os rios mais belos de nosso
país e esse encontro desses dois rios pode ser visto bem de frente da cidade de
Santarém, que correm por caminhos que são diferentes em terras do Pará e se pode
verificar toda a diferença das águas em cada um deles. O Rio Amazonas é com água
barrenta e o Tapajós é com águas de cor de um azul profundo.

Os passeios de barco para ver esse fenômeno
Esses passeios podem partir de Santarém ou de Alter do Chão, com um custo variando
de acordo com a localidade ou tipo de transporte que pode ser escolhido. Um passeio
de barco para ver o encontro dessas águas poderá levar os turistas ao ponto exato
para ver uma nítida diferença entre eles e poder curtir esse momento bem pertinho,
para apreciar esse lindo momento.

Para ver um lindo pôr do sol
Para ver esse espetáculo da natureza em Alter do Chão os turistas deve se deslocar
até a Ponta do Cururu, que é uma longa e fina ponta de areia que é formada as
margens do Rio Tapajós. O final da tarde nesse lugar é muito disputado, com muitos
barcos e lanchas que ficam ancorados, que também são bares com o oferecimento de
muitas bebidas que são geladas para um brinde.

A localização de grande parte das praias de Alter do Chão
Elas ficam localizadas as margens do Rio Tapajós, que é com águas limpas e uma
temperatura que é na medida para diminuir o calor, que existe nessa região em
qualquer época do ano. Na época da seca, o baixo volume de água permite que se
surjam muitas pontes de areia, que são paraísos para os praianos. Esse rio também
banha Santarém e o município de Belterra, que tem muitas praias.

O Caribe Amazônico
Alter do Chão ganhou esse apelido, pelas suas praias que são encontradas nessa
região e que só aparecem no período de águas que são vazantes do Rio Tapajós. É
uma aldeia de pescadores que fica a 38 km de distância de Santarém que é a maior
cidade do Pará. É também um concorrido balneário quando as águas dos rios baixam,
mostrando um belo cenário. Se programe para essa viagem em Alter do Chão.